Fajã Grande - Ilha das Flores - Açores
(+351) 292 593 154
info@casasdacascata.com
Reservas
A Ilha


                                                    Mosteiro Ilha das Flores  Poço do Bacalhau, Ilha das Flores  Lagoa Funda Ilha das Flores

A Ilha das Flores (localizada no Grupo Ocidental do Arquipélago dos Açores) é Reserva Mundial da Biosfera e é considerada um paraíso para amantes da natureza.

Caminhantes e mergulhadores encontram aqui locais quase intocados e muito pouco frequentados, fora das principais rotas de turismo.

Paz, sossego e o Atlântico a perder de vista marcam o ritmo de vida nesta ilha que já abrigou corsários, naus e galeões da Índia e do Novo Mundo.

Algumas das paragens obrigatórias e actividades com interesse: uma ida às Lagoas no Planalto Central; a vista da Fajãzinha; as piscinas naturais de Santa Cruz; a Rocha dos Bordões; nas ribeiras da ilha pode praticar canyoning, com programas adequados a diferentes níveis de experiência; observação de aves e actividades aquáticas.

Pode obter mais informações sobre os passeios pedestres e as actividade de mar nos próximos separadores.

Caminhada Lajedo-Fajã Grande  Fajã de Lopo Vaz  Canyoning Ribeira dos Ilhéus

A Ilha das Flores tem vários caminhos pedestres devidamente assinalados e com boas acessibilidades. A partir das Casas da Cascata pode facilmente aceder ao trilho que liga a Ponta da Fajã a Ponta Delgada, ao trilho que liga a Fajã Grande ao Lajedo e ao trilho do Poço do Bacalhau.

Teremos todo o gosto em ajudá-lo com mais informações sobre estes e outros trilhos com diversos graus de dificuldade.

Zona Balnear Fajã Grande  Snorkeling Fajã Grande  Fajã Grande Snorkeling

Para quem gosta de dar um mergulho, a zona balnear da Fajã Grande é o local ideal para aproveitar o mar da Ilha das Flores. As águas são de um azul profundo, com visibilidades que podem prolongar-se até aos 20 metros e temperaturas que andam entre os 22 e os 24ºC.

Também pode fazer mergulho de garrafa: junto à costa proliferam dezenas de bons locais e com muita fauna – moreias, encharéus, chicharros, bicudas e lírios são espécies que não faltam. Em fundos quase sempre rochosos, pode ainda encontrar uma âncora gigante ou qualquer outro destroço de um navio. Pode até mergulhar nos destroços de dois deles: o Slavonia, que naufragou na costa do Lajedo em 1909, e o Papadiamandis, partido em dois pela força do mar, e que foi a pique em vésperas do Natal de 1965.

Outras atividades relacionadas com o mar: pescar, dar a volta à ilha de barco e visitar a vizinha Ilha do Corvo.

Folclore Ilha das Flores  Museu Fajã Grande  Fajã Pedro Vieira

A agricultura foi, durante muito tempo, o suporte económico da ilha e isto está bem representado no folclore florentino, nos museus municipais e até no dia-a-dia de muitos habitantes.

As Festas do Divino Espírito Santo celebram-se por toda a ilha no fim da primavera (50 dias depois da Páscoa). Os festejos incluem banquetes colectivos em que são servidas as ‘Sopas’, carne cozida e carne assada; procissão com a coroa de Espírito Santo e alvoradas com foliões.

images westcanyon   images wescanyon2   WestCanyon

O canyoning é uma actividade desportiva e de lazer que consiste na descida de um curso de água com declive, recorrendo à caminhada no rio/ribeira, ao rapel, aos saltos, destrepes e tobogãs (deslizes) para transpor os obstáculos.

A Ilha das Flores possui características únicas que a tornam um destino excepcional para a prática desta atividade.

Pode contactar a empresa WestCanyon para mais informações!